Sobre as portas, e como atravessá-las 

Algumas vezes, as portas estão abertas. Olhamos pra fora e vemos a claridade que vai além do que estamos acostumados, então temos medo das possibilidades, e das incertezas, e de deixar o conforto de casa. Aliás essa mesma casa, às vezes, nem está mais mobiliada, e quem tinha nela já se foi. 

Então chega a hora que temos que sair, procurar sobreviventes… sobreviver. 
Eu já tenho todas as respostas pra sair, e vou sair. E agradeço a honestidade e os bons votos. Estou saindo agora e a casa que conhecemos estará vazia e trancada. Moving forward, beyond the door. Mas todos nós levamos nossas próprias portas conosco, não levamos? A do meu coração tem mais de uma chave. Use-a quando precisar, quando quiser, e se puder.

Vejo vocês lá fora.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s